sexta-feira, 4 de setembro de 2015

Pesquisa relaciona o ICMS com inflação, desemprego e diminuição da atividade econômica.

Excelente pesquisa de opinião pública contratada pela FIERGS/CIERGS , com abrangência estadual, demonstra que 91,7% dos eleitores gaúchos não querem que os deputados aprovem o projeto de elevação do ICMS.

Outros resultados importantes e com percentuais que não deixam dúvidas são esses:

· 88,3% disseram que aumentar o ICMS vai gerar desemprego;

· 86% responderam que haverá mais inflação;

· 73,8% afirmaram que irá diminuir a atividade econômica.

Relacionar ICMS com inflação, desemprego e diminuição de atividade econômica indica a necessidade de se adotar um imposto que substitua este, que agride a população onerando o consumo de bens e serviços essenciais.

A solução é simples e já está tramitando no Congresso Nacional, através de uma autorização legal para que os Estados e Distrito Federal possam definir o imposto que querem utilizar.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Participe!